General Pazuello assume de vez o Ministério da Saúde.


BRASÍLIA — O general Eduardo Pazuello foi oficializado nesta quarta-feira como ministro interino da Saúde. Na prática, Pazuello já vinha comandando interinamente o ministério desde o dia 15 de maio, quando Nelson Teich pediu demissão. O general era o secretário-executivo de Teich. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).


O presidente Jair Bolsonaro já afirmou que Pazuello vai ficar "muito tempo" no comando do Ministério. A interinidade ocorre em meio à pandemia do novo coronavírus, que já causou 31.199 óbitos no país. Bolsonaro classifica Pazuello como "gestor de primeira linha" e já disse que ele faz um "excepcional trabalho na pasta".